14/04/2012

Estado de Espírito... Serenidade!



Com letras miúdas escrevi serenidade,

numa página em branco

do livro que o tempo me ofereceu.



Livro que escreverei com ele, o tempo!

Em momentos partilhados

com todas as emoções, sentimentos…



Sem que nunca deixe de acreditar,

quero sempre saber,

dar tempo ao tempo, para me ensinar!



Porque apenas ele, o tempo,

me consegue apaziguar, na dor, na euforia,

apenas ele traz essa acalmia.



A serenidade que o meu espírito aprecia…!


Enviar um comentário