17/04/2018

Mulher Primavera

Foto encontrada na net sem referência ao autor 

Primavera
Assume-te fecunda
De novas vidas a florescer
No teu corpo de mulher
Desnuda de todo o pudor
É teu o poder da gestação
Acto quase transcendente
O de dar novas vidas à vida
No chão que germina a semente
Em teu ventre de fémea
Sempre a atrair sedução
Há a magia da reprodução
E a história de outras eras

Porque tu és mulher, Primavera! 



Enviar um comentário