11/10/2011

Ah, e então?


                                         E se você dormisse? E se você sonhasse?
                                         E se, em teu sonho, você fosse ao paraíso
                                         e lá colhesse uma flor bela e estranha?
                                         E se, ao despertar, você tivesse a flor
                                         entre as mãos? Ah, e então?
                                          (Coleridge)


                Ah, eu tenho uma flor
               Uma flor de cor indefinida
               E bela… tão bela
               Cheira a magia
               Ou a sonho, talvez...
               Tenho-o entre mãos
               Trouxe-a do paraíso
               Quando fui lá passear

               Não existe?
              Quem disse que não existe?
              Eu estive lá
              e trouxe de lá esta flor
              Fica logo, ali
              À distancia da magia de um sonho!

Enviar um comentário