13/09/2011

Romances de Cordel... Ou Não!


“ Jogos de Sedução”, “As Regras da Sedução”, “O Protector”, “Casamento de Conveniência”… há quem lhe chame literatura de cordel mas a verdade é que vendem que nem pãezinhos quentes. Tratam o amor á moda antiga, os rituais de sedução, a poesia, o romantismo que nos dias que correm se vão perdendo cada vez mais. Já não há tempo para namorar no jardim ou passear de mão dada á beira-mar, agora anda-se, constroem-se relações muito bem ponderadas e calculadas… e o imprevisto do amor? Aquele nervosismo miudinho á espera de uma palavra que nunca mais chega ou aquele arrepio ao toque de um olhar? …

Estará aí a chave do sucesso para estes romances que, com uma escrita mais ou menos vulgar, nos enredam até ao mais ínfimo pormenor nos rituais de sedução, paixão, enamoramento, perdidos ao longo dos tempos?

Dos livros referidos li “Jogos de Sedução” e “Casamento de Conveniência” e gostei. Não considero que haja livros mais ou menos aconselháveis, tudo depende do gosto e das expectativas de cada leitor.
Enviar um comentário