12/12/2008

Momentos ...

Quem dera eu...
Saber...
Viver cada momento
Aprender...
A dar razão ao sentimento
Não ter incertezas
Afastar tristezas
Saborear todos os tempos
Tempos de razão
Tempos de emoção
Tempos sem comparação
Ser única em cada instante
Dar o coração por inteiro
Como um livro aberto
Sem páginas numeradas
Nem histórias inacabadas
Onde a Felicidade é mais que um sonho
Mais que um conto de fadas
Quem dera viver por momentos...
... e por sentimentos.

Liz

11 comentários:

Tiago R Cardoso disse...

Também eu...

belíssimo momento e bom fim de semana.

Afonso Castilho disse...

Já seria bom se cada um de nós se desse conta de que passa por momentos em que não está a viver ...

Beijinho amiga linda !!!!

XS disse...

"Ser única em cada instante", que bom seria, Liz. Às vezes sinto-me tão banal...

magali disse...

Bonita reflexão!
Quem me dera também eu...
Beijinhos
Magali

Donnola disse...

poesia n pesco nada :DDDD

vinha aqui dizer q o teu comentário sobre "pequenas aldeias beirãs" foi certeiro!

Ervi Mendel disse...

Olá Liz,

Vim retribuir a visita e comentário e li o teu blog (ainda bebé) todo :)

beijinhos da horta

Nelson A. Soares disse...

Subscrevo a "XS"... Acho que é algo que todos queremos, embora em magnitudes diferentes e com maior ou menor disfarçe...



Adorei o poema. É envolvente...



Stay Well

Pedro Barata disse...

Parabéns pelo texto. Muito bom!
Beijinhos

João disse...

Liz, na minha opinião, é por não conseguirmos ser sempre assim, que quando conseguimos, sabemos dar valor a isso.
Pensemos na vida como se fosse um "mal-me-quer"... Uma vez assim, outra "bem-me-quer". ;-)
Gostei muito do que li. Vou voltar!

Vanessa. disse...

Belíssimas palavras, de verdade!

Pedro disse...

Quem me dera antes conseguir afastar esta melancolia... Quem me dera sentir-me vivo a todo o momento...